Simplificando a corrida

Durante os últimos dois anos, muitas vezes, tive o desejo de voltar a correr. Eu fiz isso alguns anos atrás e nunca passei a barreira dos 5 km. Quando pensava em correr, lembrava que não tinha um tênis apropriado e um suporte de braço para o celular. Algumas vezes também lembrava das dificuldades dos minutos finais da corrida. A sede. A vontade de desistir. Essas eram minhas principais desculpas.

Na verdade, eu estava dificultando as coisas para evitar a dor. Eu não conseguia ver que a corrida é uma atividade humana normal e até bem comum. Correr é uma evolução do caminhar. Eu estava apenas focado no passado e em minhas racionalizações.

Fugir de exercícios é um tipo específico de procrastinação. Se você não faz o que deveria ou quer fazer, é possível simplificar a tarefa e começar com Pequenas Mudanças. Quanto mais tempo você procrastina, mais reforça esse comportamento em seu cérebro. Quanto mais você se envolve em um comportamento como a procrastinação, mais fácil é continuar e mais difícil é sair desse hábito. A neurociência chama isso de neuroplasticidade. É como se em mata fechada, você criasse uma trilha e fosse passar por ela todos os dias. Essa é sua resposta padrão. É um caminho que você mesmo está criando. Você pode se tornar um expert em procrastinação.

Se você está fugindo dos exercícios físicos, e quer começar a correr, tenho uma notícia: você pode mudar. Basta se concentrar em simplificar seu exercício e começar com Pequenas Mudanças.

É realmente muito difícil se imaginar correndo 10 km, mas em poucos meses de treino você chega lá. Minhas dicas para começar a correr são:

  • Faça um compromisso sério:  Defina um horário e seus dias de treino. Comece com apenas dois dias por semana. Se prepare apenas para caminhar ou correr por alguns minutos. Simplifique e não faça planos complexos. Comece da maneira mais simples possível.
  • Crie um lembrete eficiente: Você pode usar Post-its ou configurar um alarme em seu celular. Você também pode deixar seus tênis na frente da porta de saída. É importante que você não tenha como escapar do lembrete.
  • Tenha um parceiro ou parceira de corrida: Convide um amigo, amiga ou alguém da família. Vocês podem trocar palavras de apoio e motivação que são muito importantes. Se você não conseguir acompanhante, revele seu compromisso para outra pessoa e combine de mostrar seus avanços semanalmente.
  • Apenas comece: Quando ver o seu lembrete, coloque o tênis e apenas saia de casa. Acredite em mim, essa é a parte mais difícil. Se concentre em apenas começar da melhor maneira possível e comemore sua conquista.

Mudar o padrão de comportamento é mais difícil do que executar qualquer tarefa. Não pense em correr longas distâncias, perder peso ou mudar sua vida. Se concentre apenas em começar, essa é a parte mais importante. Observe suas mãos amarrando o tênis, abra a porta, comece o movimento. Se você tiver qualquer limitação física, comece de forma mais simples ainda. Apenas saia e vá. Não procrastine.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s